São Luís Maria Grignion de Montfort (1673 - 1716) é um dos poucos santos - se não o único - que olha para o futuro da Igreja. È urgente investigar esta questão, relendo os escritos do Montfort, à luz das Escrituras, nas passagens que tratam dos últimos tempos, comparando-os com os acontecimentos de Fátima e os ensinamentos de João Paulo II, o mais famoso alferes eclesiástico da consagração a Cristo através de Maria segundo o Montfort.  A partir dessas discussões surgiram algumas questões maravilhosas e assustadoras ao mesmo tempo (...)